Seguidores

20110105

RECICLANDO




Particularmente eu gosto muito de reciclar. Bom há muita coisa que podemos reciclar. Os sacos de plástico por exemplo, cortados em tiras iguais e entrançados podem dar vistosos tapetes para a cozinha ou casa de banho. Lembram das caixinhas de bombons que transformei em cx de chá? E que tal pegar numa saia ou vestido que passou de moda mas que está em bom estado e costurar um vestido para a filha, neta ou sobrinha?
Foi o que fiz com uma saia que estava praticamente nova e já não usava. Um vestido para a neta. Corte simples em evasê com a aplicação de um laço do mesmo tecido e debrum no decote e cavas. Ficou lindo.
Então a minha sugestão é que antes de deitarem fora alguma coisa vejam se ela não pode ser transformada e reutilizada. O planeta agradece e a carteira também.
Bom ano para todos.

5 comentários:

  1. A avó "mãos de Fada" fez outra peça lindíssima para a Mariana.Claro que as mãos hábeis associadas à criatividade fazem de ti uma artista.

    Bem-hajas, amiga!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Ficou lindo Elvira, mãos de fada mesmo, sabe fazer de tudo um pouco!

    Beijinho e Feliz Ano Novo!

    Ana Martins

    ResponderEliminar
  3. ficou lindo sim, a imaginação aliada as mãos lindas que tens fazem milagres
    beijinhos de bom ano, que este te seja mais leve que o anterior

    ResponderEliminar
  4. .

    . e eu agradeço o Seu regresso à blogosfera .

    .

    . até porque há tanto tempo que nos "conhecemos" .

    .

    . um feliz ano de dois mil e onze, Elvira .

    .

    . deixo.Lhe um beijinho sempre amigo .

    .

    . paulo .

    .

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pela criatividade, como sempre com muito bom gosto, e parabéns a Mariana por ter uma avó tão querida, bjos!

    ResponderEliminar

ESTE ESPAÇO É MUITO ESPECIAL. POR FAVOR TORNE-O MAIS ESPECIAL DEIXANDO A SUA OPINIÃO. BOA OU MÁ NÃO IMPORTA. SÓ COM ELA EU POSSO MELHORAR.

ESTE BLOGUE NÃO OFERECE NEM ACEITA SELOS. AGRADEÇO O VOSSO CARINHO E A VOSSA COMPREENSÃO.

MUITO OBRIGADA E VOLTEM SEMPRE.